CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2015 - Recebeu voto de aplausos pela Câmara Municipal de Araçatuba;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba;

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras;

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - 13ª classificada no TOP 35, na 4ª semana de abril de microconto Escambau;

2017 - Classificada no 7º Concurso de microconto de humor de Piracicaba.

2017 - 24ª classificada no TOP 35, na 2ª semana de outubro de microconto Escambau;

2017 - 15ª classificada no TOP 35, na 3ª semana de outubro de microconto Escambau;

2017 - 1ª classificada no concurso de Poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2017 - 11ª classificada no TOP 35, na 4ª semana de outubro de microconto Escambau;

quinta-feira, 19 de março de 2009

A MULHER ENTRE O BOM E O RUIM.


Coluna "Mulheres" Folha da Região - 19/03/2009

As coisas para as mulheres não são tão fáceis como deveriam ser. Quando é virgem, a primeira vez nunca se esquece, quando é bem velhinha última também não, dizem. A mulher casa e chora porque não engravida, se engravida chora também de tanto que passa mal, muitas vão até parar no hospital.
Coisa mais linda é uma mulher amamentando. Verdade, desde que os bicos dos peitos não sangrem. Há bicos de peitos que chegam até cair. Isso é o progresso, sem os bicos os peitos viram boca de copo e a molecada já aprendem a se virar, ou melhor, virar o gole.
Pernas lisinhas de mulher é a coisa mais bela de serem vistas. Aquela cera quente na pele da gente é a redenção dos pecados. Quando passa na virilha então, a gente fica em ponto de bala. Respira fundo e puxa... Sei que tem a depilação definitiva. Coisa mais chique que já inventaram para as mulheres não precisarem se depilar.
Você, mulher, que é da minha época, tenho 42, deve se lembrar muito bem daquele revolver com que nos aplicavam vacinas nas escolas. Pois então, a depilação definitiva começou com um aparelho desse tipo. Uma moça me segurava e outra aplicava o revolver. Era pra matar e quando iam fazer no buço eu gritei : “Me deixe bigoduda, pelo amor de Deus”. É ruim mais é bom, elimina os pelos. Lembre-se de que para as sobrancelhas há um anestésico, não sofra!
Amiga, não se descuide, tem que se prevenir, mas só entre nós duas: quem inventou aquele aparelho de mamografia é o verdadeiro cão. Botam os peitos da gente dentro daquela bandeja e viram a morsa. Apertam os coitados a ponto de virarem folha de papel. Só mulher para aguentar. No próximo exame a moça daquele laboratório vai precisar do auxílio de uma pá, se aquele aparelho não se moralizar os meus peitos não passam mais por ele. Desaforo! É ruim mais é necessário. Exame ginecológico então é a coisa mais linda. Ainda bem que a mulher não tem próstata senão, ia se ferrar duas vezes. É ruim, mas é engraçado.
Quando é moça não gosta de menstruar, é ruim, mas é bom. Quando é casada quer a menstruação frequentemente, é bom, mas é ruim. No climatério chora de saudade da moça que fora, isso é ruim, ruim. Na melhor idade, superada as fases difíceis, vira aposentada e aplica o dinheiro em remédios. Oh, castigo!
Já conquistada a liberdade dos filhos, vai à casa deles para visitá-los os companheiros fazem cara feia.
Se está no ponto de ônibus o motorista torce o nariz, porque a demora pra subir vai fazê-lo se atrasar para o próximo ponto. Está pensando que isso é ruim? É nada, é ótimo! Estou relatando a vida de uma mulher, velha e pobre, porém feliz porque se vira sozinha, cansada, à noite, deita e dorme. Algumas mulheres, velhas e ricas, vivem de carro pra cima e pra baixo, não são felizes porque não dormem tranquilas, pensam que vão matá-las asfixiadas para ficarem com a grana delas.
Está vendo? Nem tudo o que aparenta ser ruim o é de verdade. Depois do sofrimento alguns resultados são satisfatórios. Esse texto, por exemplo, que você o julgou ser bom e instrutivo, de fato foi, não foi? Está vendo, há casos em que as regras são tão evidentes quanto as exceções. Mas se o achou ruim, está bom também!

Imagem: imagensdahora.com.br

Nenhum comentário: