CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2015 - Recebeu voto de aplausos pela Câmara Municipal de Araçatuba;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba;

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras;

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - 13ª classificada no TOP 35, na 4ª semana de abril de microconto Escambau;

2017 - Classificada no 7º Concurso de microconto de humor de Piracicaba.

2017 - 24ª classificada no TOP 35, na 2ª semana de outubro de microconto Escambau;

2017 - 15ª classificada no TOP 35, na 3ª semana de outubro de microconto Escambau;

2017 - 1ª classificada no concurso de Poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2017 - 11ª classificada no TOP 35, na 4ª semana de outubro de microconto Escambau;

domingo, 27 de abril de 2014

APRENDENDO




Eu não sei quase nada
Uma, duas coisas...
Com você eu aprendi muito
Machuca não saber muito
Dói mais saber uma, duas coisas
Com você eu desaprendi bastante
Também uma,  duas coisas...
Sei que sou jovem
Muito saber machuca
O corpo e a alma da gente
Sabem onde e como dói
Saber onde e como dói
Ter conhecimento do que se sabe ou não
Ameniza a dor de não saber isso
Ou saber aquilo
Conhecer um conhecimento que não é nosso
Previne-nos sobre alguns resultados
Um, ou dois...
Convencendo-nos uma, ou duas vezes
Sobre uma, ou duas coisas...
Que podem instruir-nos ou não
Um meio de nos capacitarmos
A termos ou não certezas
Sobre uma, ou duas coisas...
Para podermos explicá-las,
Uma, ou duas vezes...
Até que as compreendam
Retenham-nas na memória
Para surgirem novamente
Como indagações
Conseguindo novos meios
De julgá-las,  ou não
Aquelas uma, duas coisas
Tendo a ciência da maturidade
Para  descartar, ou não
Uma, ou duas coisas
Se elas forem  quase nada
Para quem muito ensinou
Ou para quem pouco aprendeu
Ou não sobre muitas coisas.

Rita Lavoyer

 

 

 

 

 

Um comentário:

Marcelo Pirajá Sguassábia disse...

Aprendi. E gostei!
Um beijo, Rita.