CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba.

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras.

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura


segunda-feira, 16 de março de 2015

COM MOTIVOS

Com motivos
Rita Lavoyer


Se o instante inexistente se tornar
no ato que deveria existir,  
o que será do poeta
se é de um ponto do instante
que brota a inspiração pru’ma vida?

O que fazer, poeta,
se o instante, todos os dias, demorar
uma vida para acontecer?
Se tentas esticar teus motivos
onde colherás o teu verso, poeta?

Qual será tua questão, poeta,
Depois daquele instante existente em
cujo ponto o verso  desabrochou
E  não o percebeste?
Será agora, ou depois  o mesmo verso?

Se semeares  somente na tua existência longa,
colherás, poeta, apenas  o que plantaste:
 cotidiano de espaço-temporal  incubado-.
Por teres deixado o  instante despercebido,
farte-te, agora, com a tua escassez de criação.

Ainda que queiras em versos projetar esta dor
escondida no peito,  por teres perdido
a inspiração de um  instante, tempo já não há mais.
O galardão de poeta  devolvas ao espaço,
 por não teres dele feito jus ,
 deixando  inexistir um verso.  


Nenhum comentário: