CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba.

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras.

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - 13ª classifica no TOP 35 na 4ª semana de abril de microconto Escambau.

2017 - Classificada no 7º Concurso de microconto de humor de Piracicaba.


quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

SAL E NENE



O mundo virtual está extrapolando todos os limites possíveis para que a realidade fique refém da imaginação. A realidade já era?
Estamos vivendo em uma era em que o mundo virtual torna possível, o impossível.
Li ontem, 29/12 no MSN que um fanático japonês casou-se com uma personagem de videogame. Com direito a lua-de-mel. Gozado, não?


O nickname do japonês maluco é SAL9000 . O seu nome verdadeiro não é divulgado. Pasmem!
A noiva “felizarda” chama-se Nene Anegasaki. Ela tem características românticas. O rostinho dela é singelo, seus olhos esbugalhados são fascinantes, para não dizer: "zoiuda”.


Bem, não importa o tamanho dos olhos da boneca. O que me chamou a atenção na matéria são as características da noiva pelas quais o noivo, jogador do game Love Plus, se apaixonou. Veja parte da entrevista que o jogador dá a uma rede de T.V.

"Eu amo a personagem, não a máquina", disse SAL9000 à rede de TV CNN. "Entendo perfeitamente que se trata de um game e entendo perfeitamente que não posso estar legalmente casado com ela." "Ela não fica brava comigo nunca se eu me atraso. E se fica chateada, logo me perdoa", justifica SAL. "Estou com ela e não preciso de uma namorada humana."

Love Plus é um jogo, com estilo romântico, em que o jogador pode divertir-se com a personagem, passear, namorar inclusive.

Essas personagens são idealizadas para conquistar e manter o jogador ligado. Persuadem, conquistam... Não é difícil mantê-los na rede, são presas fáceis. Viciam facilmente a ponto de querer casar. Que paradoxo!


Até onde os nossos jovens chegarão para fugir da realidade eu não sei. Mas certo será que em breve, seremos avós de parafusos. Daí, encontrarem-se com suas porcas é outra história. Aliás, porca também é um tipo de jogo de meninos. Os atuais já não praticam mais essa porca digo, esse jogo. Será que o acham uma porcaria?


Talvez porque necessite mais de um jogador, e ter contato direto com outra pessoa hoje já não é tarefa das mais agradáveis, ainda que seja em jogo, quanto mais na realidade, no dia a dia. Ouvir chateações, cobranças, expressar sentimentos, já não é mais um ato tão humano. No mundo virtual os personagens são melhores nesse quesito. É uma tela diante da nossa realidade.


Os games estão jogando com os nossos jovens e ambos estão gostando. Aquele, pela vitória; este, pela carência. Aqui é que a porca torce o rabo.
IMAGEM: getufs.blogspot.com

Um comentário:

Anônimo disse...

Coisa bonitinha é um rabinho de porca/o bem torcidinho! Serão modelos para as circunvoluções cerebrais dos futuros gênios de grandes cabeças e frágeis corpos, projetados pelos "futuristas"?
KKK Bjs Lu