CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba.

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras.

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - 13ª classifica no TOP 35 na 4ª semana de abril de microconto Escambau.

2017 - Classificada no 7º Concurso de microconto de humor de Piracicaba.


domingo, 29 de março de 2015

Ministro da Educação, um araçatubense


Desejo boa sorte ao novo Ministro da Educação, o filósofo Renato Janine Ribeiro - independente de sua naturalidade ( pois tem um pé em Araçatuba)-, ou ideologia política - , porque a Educação neste país há muito precisa ser respeitada em ação, para depois ser amada em verbo ,no sentido que o verbo verdadeiramente traz no bojo da sua ética.
Que Renato Janine, como Ministro, seu discurso e seu conhecimento sejam transformados em benefícios ao tão ludibriado povo brasileiro , tão carente de respeito e educação por quem, no poder, há décadas, tanto nos governos de esquerda e de direita, mostram-nos completamente sem rumo.
Boa-Sorte. Que sua ética e minha vontade de ver o Brasil bem em Educação não sejam utópicas. 


Como é triste ver pessoas sentindo-se felizes por serem conduzidas, quando na verdade, o que lhes faltam são  conhecimentos suficientes para conquistarem a liberdade de si mesmas,  guiando-se, agindo com objetivos  concretamente benéficos à humanidade e reagindo com  iguais argumentos para o crescimento  do social. 

Quem rouba do ser humano a Educação, tira-lhe as defesas antes mesmo de  ele nascer. 

  Que a Educação alcance a todos nós. 



2 comentários:

Célia Rangel disse...

Quem sabe, agora - um Educador, filósofo, alegre e cheio de perspectivas consiga, junto aos educadores e eeducandos desse país que ainda restam, idealizar e realizar a "Pátria Educada" e não educadora, pois vejo a "Família como Educadora essencial" na "educação, no respeito, no afeto, na dignidade aos seus integrantes. Na escola, na Pátria deveria haver interação disso tudo. Mas... de repente... estou sonhando... até porque de pesadelos o país está com um PIB altíssimo!
Abraço.

Rita Lavoyer disse...

Torcemos pelo rapaz, Célia! De família honesta, posso garantir que ele é.