CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba.

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras.

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - 13ª classifica no TOP 35 na 4ª semana de abril de microconto Escambau.

2017 - Classificada no 7º Concurso de microconto de humor de Piracicaba.


quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Menina que enfrentou o Talebã é baleada e causa fúria dentro e fora do Paquistão


MALALA, AS MULHERES DO TALEBÃ


Malala não é uma garota qualquer. Ela é uma menina de 14 anos que foi baleada pelo Talebã no dia 09 de outubro deste ano no Paquistão. O ocorrido está provocando revolta dentro e fora daquele país.

Malala Yousafzai é conhecida pela sua coragem de enfrentar o Talebã, criticando-o publicamente. Ela fazia campanha pela educação das meninas no pais. É bom lembrar que entre tantas atrocidades à mulher, o regime do Talebã proíbe também que as mulheres estudem em escolas, universidades ou qualquer outra instituição educacional. Malala não queria que isso continuasse, nem pra ela e nem para a sua Nação Feminina que tanto sofre calada diante dos olhos do mundo.

O país não oferece condições para que Malala seja salva pelo sistema de saúde que ele oferece à população. Mas o Mundo quer cuidar de Malala, conforme gritam nas redes de comunicação.

O mundo grita por Malala, mas emudece perante tanta gente mulher que há séculos e séculos são reduzidas a nada, estranguladas em suas vontades. Assassinadas já dentro do ventre materno pelo castigo de ter sido gerada mulher, por outra mulher.

A lista de regras que a mulher deve obedecer, editada pelo algoz Talebã é escrita com sangue cor-de-rosa, e exala um silêncio gritante debaixo da negra burca que a cobre dos pés à cabeça.

As mulheres afegãs recebem o abraço dos chicotes a elas determinados pelo simples fato de ‘quererem querer’ apenas.

Malala traz em si o grito abafado de todas as mulheres afegãs.

Viva Malala em nome de todas as mulheres de direito!




Menina que enfrentou o Talebã é baleada e causa fúria dentro e fora do Paquistão

ENQUANTO ISSO, NO BRASIL, TEM CRIANÇAS FAZENDO BIRRAS PORQUE QUEREM O BRINQUEDO NO DIA DELAS.


QUANTOS PAIS  SE DESDOBRANDO EM HORAS DE TRABALHOS PARA GANHAREM UM POUCO MAIS, PARA DAREM DO BOM E DO MELHOR PARA OS SEUS FILHOS, TENTANDO, POR EXCESSO DE AMOR, TIRAR-LHES 'O FARDO' QUE JULGAMOS SER PESADO PARA ELES - O DA RESPONSABILIDADE.

NÃO QUEREMOS QUE NOSSAS CRIANÇAS SEJAM DESASISTIDAS. QUEREMOS O MELHOR PARA ELAS, MAS MUITOS DE NÓS- PAIS ZELOSOS EM EXCESSO- ESTAMOS TRANSFORMANDO AS CRIANÇAS EM DELINQUENTES DE GRANDE POTENCIAL.

DIGO ISSO PORQUE ME INCLUO, SEM VERGONHA DE DIZER, QUE SOU DESSE TIPO DE MÃE QUE FEZ DE TUDO PARA PROTEGER OS FILHOS, E CONTINUO FAZENDO, MAS SEI DA  MINHA CULPA, DA MINHA FALTA DE CORAGEM DE SENTIR  A DOR DOS FILHOS QUANDO TEMOS QUE DIZER-LHES  UM 'NÃO'.

AMO OS MEUS FILHOS. TENTO EDUCÁ-LOS PARA NÃO FAZEREM MAL ALGUM PARA NENHUM SEMELHANTE SEU, PRINCIPALMENTE AOS ANIMAIS QUE, POR SEREM MAIS  EVOLUÍDOS, SÃO MAIS SENSÍVEIS.  TODAVIA ACREDITAMOS, POR INSEGURANÇA PATERNA, QUE TUDO O QUE FAZEMOS AINDA NÃO É O SUFICIENTE.

E QUANDO O SUFICIENTE NÃO ESTÁ AO MEU ALCANCE, AÍ SIM, AGARRO-ME AO CHINELO E ACERTO-LHES A BUNDA.

AQUI EM CASA É ASSIM: FAZ PELO MENOS 14 ANOS QUE CHINELO TEM VÁRIAS SERVENTIAS.

VIVA A MENINA QUE ENFRENTOU O TALEBÃ!

QUERIA TER UMA FILHA ASSIM!  SE AS MINHAS CRIANÇAS NÃO CHEGAM A ESSE PATAMAR, SEI QUE TENHO GRANDE PARCELA DE CULPA.

FELIZ DIA DAS CRIANÇAS PARA ESSA CRIANÇA QUE REPRESENTA A VONTADE DE MUITAS CRIANÇAS QUE MERECEM VIVER COM DIGNIDADE.

ÀS NOSSAS DESEJO QUE APRENDAM A SONHAR COLETIVAMENTE. É ASSIM QUE COMEÇAREMOS A MELHORAR O FUTURO  QUE NOS RODEIA.

EU TENTEI ESCREVER UM TEXTO PARA O DIA DAS CRIANÇAS, MAS, INFELIZMENTE, FIQUEI SEM SUBSÍDIO PARA O FEITO.

QUE NOSSA SENHORA DA APARECIDA ME PERDOE E ENVOLVA TODAS AS CRIANÇAS COM O SEU MANTO SAGRADO, HOJE E SEMPRE.

ASSIM SEJA!

RITA LAVOYER






4 comentários:

Miriam de Sales Oliveira disse...

Inconcebível coisas como esta em pleno sec. XXI;vemos q/ o animal humano está involuindo. Por outro lado temos que respeitar culturas diferentes da nossa,mas
Bjks,nada nos impedirá de protestar .

Rita Lavoyer disse...

Miriam, grande abraço, querida!
Felicidades e muito obrigada pela sua participação aqui.

Célia Rangel disse...

Há crianças que prometem uma ação bem diferente das nossas - mães superprotetoras! Acredito. Muitas se colocam. Opinam. Revolucionam. Merecedoras de todo apoio efetivo. O brinquedo delas é outro - a realidade! Rita, essa é a nossa esperança de futuros cidadãos realmente participativos, íntegros, sem necessidade de julgamentos se, ficha limpa ou suja. Marcarão, sem dúvida alguma, um novo tempo!
Bj. Célia.

HAMILTON BRITO... disse...

Pode-se falar até o fim dos tempos sobre este assunto.É como impressão digital;cada um tem o seu jeito de educar os filhos. E foi certo quando deu certo. Meu pai e minha mãe nunca encostaram a mao em um filho. Olhavam e nada mais.Nunca um filhos os fizeram ir além disso. Tive um vizinho que quase matava o filho de pancada e um dia o filho devolveu. è isso.