CLASSIFICAÇÕES EM CONCURSOS LITERÁRIOS

PREMIAÇÕES LITERÁRIAS

2007 - 1ª colocada no Concurso de poesia "Osmair Zanardi", promovido pela Academia Araçatubense de Letras;

2010 - Menção Honrosa no Concurso Nacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2012 - 2ª classificada no Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2014 – Menção honrosa Concurso Internacional de Contos Cidade de Araçatuba;

2015 – Menção honrosa no V Concurso Nacional de Contos cidade de Lins;

2015 - PRIMEIRA CLASSIFICADA no 26º Concurso Nacional de Contos Paulo Leminski, Toledo-PR;

2016 – 2ª classificada no Concurso Nacional de contos Cidade de Araçatuba.

2016 - Classificada no X CLIPP - concurso literário de Presidente Prudente Ruth Campos, categoria poesia.

2016 - 3ª classificada na AFEMIL- Concurso Nacional de crônicas da Academia Feminina Mineira de Letras.

2012 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - Recebeu o troféu Odete Costa na categoria Literatura

2017 - 13ª classifica no TOP 35 na 4ª semana de abril de microconto Escambau.

2017 - Classificada no 7º Concurso de microconto de humor de Piracicaba.


sexta-feira, 8 de março de 2013

MULHER - Por Marianice Paupitz Nucera

M axima em todas suas atitudes
U nica em seus gestos maternais
L eve como pluma qdo dita o amor
H oje amanhã e sempre
E mbala todos os corações
R edescobrindo a razão de viver

Marianice Paupitz Nucera - Coordenadora do Grupo Experimental.

3 comentários:

Marcelo Pirajá Sguassábia disse...

Parabéns às duas mulheres, Marianice e Rita, pelo seu Dia Internacional e pelos dois ótimos textos.

HAMILTON BRITO... disse...

Por que nmao postou na ´pagina do grupo experimental?

Rita Lavoyer disse...

Caro amigo José Hamilton, a Marianice postou esta maravilha, produção dela, como comentário no meu post. Mandou-me como presente.

E como presente desta grandeza eu tenho que mostrar ao mundo que recebi por merecer.

Decidi, inteligentemente, publicar no meu espaço chamado "Blog Rita Lavoyer" para, também, louvar o trabalho da escritora, dando-nos ibope recíproco.

Fica enciumado não, Zé!

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK